Alien – Singles


Se alguém me dissesse que existiria um site especializado em lembrar bandas totalmente desconhecidas que só gravaram 2 músicas e depois sumiram do mapa, eu diria que a pessoa que criou esse site é louca. (In) Felizmente esse site existe, se chama H2R, e o criador sou eu. Não sei o que eu ganho “perdendo meu tempo” com single-bands da New Wave, mas existe um misticismo relacionado a essas bandas que me atrai, e a banda que você irá conhecer a seguir é um exemplo perfeito.

O Alien foi mais uma single band da New Wave of British Heavy Metal que teve sua chance de gravar um album inteiro quando conseguiu uma pequena exposição ao participar de duas coletâneas, mas por um motivo ou outro não conseguiu chegar lá.

Essa chance aconteceu em 1982, quando a gravadora Neat Records lançou um EP que continha quatro músicas executadas por bandas estreantes na N.W.O.B.H.M.

A coletânea se chamava “One Take No Dubs (Live In The Studio)”, e incluia além do Allien as bandas Black Rose, Avenger e Hellanbach.

A participação do Alien ocorreu com “Could Have Done Better”, mas ela não foi à única música registrada pela banda, já que na coletânea que saiu em fita K7, “60 Minutes Plus Heavy Metal Compilation” e que foi lançada também em 1982 pela mesma Neat (que, diga-se de passagem, foi um dos selos que mais contribuíram para a cena Heavy Tradicional da época), a banda participou com a música “Absolute Zero”.

Ao longo do Review você terá uma surpresa, pois o post teve colaboração de um membro da banda, algo até então inédito no H2R!

One Take No Dubs – [1982] [EP] [Coletânea] (Neat Records)

“Could Have Done Better”, apesar de extremamente mal gravada, nos apresenta um riff muito interessante, que tem um grande apoio no baixo preciso, e caminha entre o Hard e o Heavy.

Eu acho essa música sensacional, as melódicas linhas de baixo são o ponto forte, o solo e os riffs são bacanas, e o vocal apesar de não ser uma maravilha, mostra muita disposição, enfim, essa música tem uma ótima pegada e etc., mas volto a frisar, a gravação deixou a desejar.

Ela lembra várias músicas da época, seguindo uma fórmula que dificilmente falha.

Sempre que escuto essa música, não consigo ficar parado, da até vontade de sair dançando por aí…

60 Minutes Plus Heavy Metal Compilation – [1982] [Coletânea] (Neat Records)

“Absolute Zero” é bem melhor gravada do que “Could Have Done Better”, e segue a mesma linha de sua companheira.

Um pouco mais puxada para o Heavy, mas com uma breve passagem melódica, eu vejo ela como uma música de uma banda madura, que tinha talento para ter gravado um disco completo.

Heavy Tradicional extremamente básico.

Pra mim, o grande destaque é o salto de qualidade do vocal de Derek Storey, que superou e muito a sua participação ao vivo em “Could Have Done Better”.

Finalizando, duas músicas bacanas, mas que não mudam a vida de ninguém.

Who Needs The Army

Graças a um membro da banda que entrou em contato com o H2r, tivemos acesso a inédita música Who Needs The Army, um empolgante rock and roll/Heavy Metal.

Técnica e cheia de feeling, essa música é excelente, sem dúvidas uma grata surpresa!


Lista de Músicas:

01 – Could Have Done Better 8,5
02 – Absolute Zero 7,75
03 – Who Needs The Army 8,5


Nota: 8.25


Formação:

Derek Storey – Vocal
Ron Anderson – Guitarra
Peter Whiskard – Baixo
Kenneth McKie – Bateria


Fatos e Curiosidades:

- Em 1983 a banda acabou por motivos tão obscuros quanto à mesma, deixando um “grande” legado de duas músicas e pouco mais de 5 minutos de gravação.

- “One Take No Dubs (Live In The Studio)” foi gravado em um estúdio da Neat, e como o nome sugere, em apenas uma tomada, sem truques, logo, as “falhas” escutadas tem um sabor especial, pois ali você escuta o “verdadeiro” Heavy Metal, executado na raça.

- “One Take No Dubs (Live In The Studio)” foi uma grande chance para as quatro bandas que participaram dessa gravação, pois foi a primeira vez que elas gravaram suas próprias músicas em Vinyl.

- “60 Minutes Plus Heavy Metal Compilation” foi a segunda “chance” do Alien, que teve a sua participação ofuscada por nomes como Raven, Jaguar e Venom.


Creditos:
Por
Victor Kataóka.

VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 0.0/10 (0 votes cast)
VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 0 (from 0 votes)

Facebook Comments

comments


2 Comments

  1. kataoka February 15, 2010 10:40 pm 

    Senha (key):

    http://h2remfoco.wordpress.com/

    O que você achou do álbum? (What do you think about the albun?)

    VA:F [1.9.22_1171]
    Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
    VA:F [1.9.22_1171]
    Rating: 0 (from 0 votes)

  2. Peter Whiskard April 25, 2010 2:17 pm 

    Thanks for the comments, although it’s now a very long time ago!!
    However, there was more music recorded at the same session and it is uploaded at
    http://www.youtube.com/watch?v=xtRXe6CbAiY

    This music was not released commercially, but I still have a copy of a cassette made at the time.
    By the way, I have no idea what has happened to the rest of the band!
    P. Whiskard

    VA:F [1.9.22_1171]
    Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
    VA:F [1.9.22_1171]
    Rating: 0 (from 0 votes)

Leave a comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*